Oito novas mini-hídricas no Centro do país

A Administração da Região Hidrográfica do Centro lançou oito concursos públicos para a implantação e concessão de mini-hídricas, num total de 29 megawatts (MW) de potência.

Os lotes agora colocados a concurso situam-se nos rios Mondego (concelhos de Penacova e Poiares), Alva (Arganil e Tábua), Dinha, Pavia e ribeiras de Asnes e Sasse (Tondela e Viseu), Criz (Tondela), Alfusqueiro (Oliveira de Frades), Troço (São Pedro do Sul e Vouzela), Arões (Sever do Vouga) e Mel (Castro Daire).

São concursos, de âmbito internacional, para atribuição de concessões para captação de água do domínio público hídrico, produção de energia hidroeléctrica e concepção, exploração e conservação das respectivas infraestruturas hidráulicas, e que prevêem, ainda, a reserva de capacidade de injecção de potência na rede eléctrica de serviço público e a identificação de pontos de recepção associados, para a energia eléctrica produzida em centrais hidroeléctricas.

Previstos desde Setembro, estes concursos estão englobados num plano alargado que projecta o lançamento de outros concursos, em todo o país, num total de potência a atribuir de 150 MW. Até ao final de 2011, por outro lado, está previsto o lançamento de um outro concurso para a atribuição de 100 megawatts de potência.

fonte:ambienteonline

publicado por adm às 23:23 | comentar | favorito