Iberdrola e E.on também investem na energia das ondas

A Scottish Power Renewables, filial do braço para as renováveis da Iberdrola, e a E.on estabeleceram uma parceria para desenvolver dois projectos para a energia das ondas na zona da Orkney, na Escócia.

De acordo com as empresas, um dos projectos tem como pano de fundo o conversor de energia das ondasPelamis. Esta máquina, que está a ser testada no Centro Europeu de Energia Marinha, aproveita a força das marés para gerar electricidade.

O Pelamis tem 180 metros de comprimento – mais de 50 metros que os modelos actuais utilizados na captação de energia das ondas e marés – e tanto a Iberdrola como a E.on esperam também que seja mais eficiente que os modelos de primeira geração.

“O elevado número de projectos de energia eólica marinha adjudicadas recentemente à Iberdola e que totalizam uma potência de 10 mil MW em todo o mundo [justifica a criação de uma área de negócio dedicada ao segmento offshore na Escócia”, revelou a Iberdrola. “[Estes novos projectos] irão começar a entrar em funcionamento de forma faseada”.

As energias renováveis marinhas são uma das grandes apostas do Reino Unido para os próximos tempos, tendo o País lançado o maior concurso de energia eólica offshore de todo o mundo.

Recorde-se que, em Portugal, também a REN está a investir fortemente na energia das ondas.

fonte:greensavers

publicado por adm às 22:33 | comentar | favorito