Reino Unido prepara-se para energia das ondas de baixo custo

Os planos são ambiciosos, mas a empresa britânica Ecotricity acredita que, em cinco anos, vai conseguir instalar 200 equipamentos de energia das ondas na costa do Reino Unido. A tecnologia pioneira, com o nome comercial de SeaRaser, apresenta estimativas de custo inferiores ao desempenho da energia nuclear ou gás natural.

A empresa avança que o equipamento de 240 kW tem potencial para produzir electricidade a dois pence (cerca de dois cêntimos de euro) por kWh. A tecnologia foi desenvolvida pelo inventor britânico Alvin Smith e depois comprada pela Ecotricity, por um preço que não foi divulgado pela empresa. Os planos passam agora por instalar um primeiro equipamento à escala comercial no próximo ano, depois dos primeiros ensaios com um modelo de demonstração.

Também no outro lado do oceano Atlântico há planos para conquistar o potencial energético do mar. A Verdant Power Inc obteve uma licença do Regulador Federal dos Estados Unidos para implementar um projecto piloto de energia das marés em Nova Iorque. A empresa quer instalar cinco turbinas no East River até finais de 2013, com a possibilidade de, nos dois anos seguintes, acrescentar até um total de 30 geradores.

A licença de dez anos para o projecto RITE (Roosevel Island Tidal Energy) tem a duração de 10 anos e prevê a instalação de uma capacidade energética de 1,050 kW.

fonte:http://www.ambienteonline.pt/n

publicado por adm às 23:36 | comentar | favorito