Lucro da EDP Renováveis bate estimativas

O lucro líquido da EDP Renováveis cresceu 26% no primeiro trimestre de 2012, acima das previsões dos analistas.

A EDP Renováveis terminou o primeiro trimestre de 2012 com lucros de 62 milhões de euros, uma subida de 26% face ao período homólogo. Os analistas sondados pela agência Reuters apontavam para um resultado de 54 milhões de euros.

O EBITDA cresce 20% para 263 milhões de euros, também acima das estimativas da poll de analistas, que esperavam um valor de 243 milhões de euros.A empresa referiu que o seu lucro cresceu "reflectindo maioritariamente o desempenho recorrente ao nível operacional" e "beneficiaram da extensão da vida útil dos projectos para 25 anos, embora parcialmente mitigados pela introdução da contabilização de impostos diferidos nos EUA."

A Renováveis, quarta eólica mundial com capacidade instalada, anunciou também que aumentou a sua produção de eletricidade em 18%, dado o crescimento da capacidade instalada ao longo dos últimos 12 meses e ao crescimento da utilização.

Ontem, a empresa informou em comunicado enviado à CMVM que Ana Maria Fernandes, líder da EDP Brasil, renunciou ao cargo de membro do Conselho de Administração da EDP Renováveis "em face das novas responsabilidades assumidas no seio da EDP -Energias de Portugal, S.A.".

Na primeira reacção no mercado, as acções da Renováveis mantinham-se inalteradas nos 3,43 euros euros.

fonte:http://economico.sapo.pt/no

publicado por adm às 08:22 | comentar | favorito